Cetáceos

Em pleno Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina e sob a influência do Mediterrâneo, Sagres é um local privilegiado para a observação de mamíferos marinhos, grandes peixes pelágicos e aves marinhas devido a zonas de fundo rochoso onde existe uma maior produtividade primária. Distinguindo-se assim pela sua diversidade de habitats costeiros, flora e fauna.

As espécies mais observadas de cetáceos são o Golfinho-comum (Delphinus delphis), seguidos do Golfinho-roaz (Tursiops truncatus), do Boto (Phocoena phocoena) e da Baleia-anã (Balaenoptera acutorostrata).

Ocasionalmente também podemos observar outras espécies como a Baleia-comum (Balaenoptera physalus), a Orca (Orcinus orca) e o Golfinho-do-risso (Grampus griseus).

Também temos algumas raridades, espécies que não são habituais serem observadas nesta área, como a Baleia-de-bossa (Megaptera novaeangliae) e o Cachalote (Physeter macrocephalus).

Com os olhos bem atentos no mar podemos ser surpreendidos por uma Tartaruga-comum (Caretta caretta) ou mesmo por grandes peixes pelágicos, como o Tubarão-azul (Prionace glauca), o Tubarão-martelo (Sphyrna zygaena) ou o Peixe-lua (Mola mola).


Conteúdos produzidos por: Cape Cruiser

ORGANIZAÇÃO (geral)

Email

festivalbirdwatchingsagres@gmail.com

Câmara Municipal de Vila do Bispo

ROSÁRIO OLIVEIRA

Email gabinete.turismo@cm-viladobispo.pt

ALMARGEM

ANDRÉ PINHEIRO

Email apinheiro@almargem.org

SPEA

ALEXANDRA LOPES

Email alexandra.lopes@spea.pt